Pinheiros vem mantendo o controle das taxas de contágio por coronavírus, apesar de altos índices registrados em cidades próximas. Os efeitos no município são resultados do trabalho e dedicação dos profissionais da saúde, de demais colaboradores que estão na linha de frente no combate à propagação da doença e de várias ações que a Prefeitura de Pinheiros vem aplicando.

A lista de atividades é grande: serviço de inspeção de equipes do Comitê Municipal de Enfrentamento e Prevenção à Covid-19 em estabelecimentos comerciais; decretação do uso obrigatório de máscaras em ambientes públicos e comerciais; distribuição de kits de higiene.

Testagem de pacientes que se enquadram nos grupos de coleta de swab e teste rápido; aplicação de medidas sanitárias na feira de sábado; barreiras sanitárias instaladas nos acessos viários – agora equipadas com termômetros infravermelhos digitais; higienização de espaços públicos também são ações que têm sido desenvolvidas.

“Estamos lutando contra o vírus, fazendo o máximo para que não haja tanta transmissão. Agora, estamos na fase de controle do vírus. E também nesta fase agradecemos a parceria da Polícia Militar, Promotoria, demais secretarias que nos ajudam a sensibilizar toda a população”, ressaltou a secretária municipal de Saúde, Maria Aparecida Martins da Silva Cangussu.

“Vamos sempre buscar atingir o grau máximo de eficiência. E já estamos sendo bem-sucedidos nessa batalha, graças a Deus e a nossos esforços. Lamentamos muito os óbitos ocorridos e também prestamos nossa solidariedade aos moradores de cidades vizinhas”, ressalta o coordenador da Vigilância Sanitária de Pinheiros, Sérgio Franco.

Sérgio também destacou a cooperação de produtores rurais, feirantes, igrejas, associações e toda a população pinheirense, para manter o controle do avanço do vírus.

O coordenador, ainda, pediu que as orientações sejam seguidas, para que, assim, o comércio e a feira continuem ativos. “Precisamos manter o isolamento social, usar máscaras quando necessário, lavar as mãos constantemente com água e sabão, fazer uso do álcool gel para que continuemos vencendo o vírus e mantendo nosso comércio e a feira livre em funcionamento”, disse.