Aproximadamente 250 alunos das escolas Nossa Senhora de Lourdes, Juracy Cardoso Viana, Governador Carlos Lindemberg, Escola Família Agrícola de Pinheiros, Emir de Macedo Gomes e Polo Brunelli lotaram as dependências do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) na última quarta-feira (18) para assistirem à palestra “Saúde Mental: E Quando a Dor Não Vem do Corpo?”.

A preleção, ministrada pelo psicólogo Diego Alves, compõe a programação da Semana Municipal de Prevenção ao Suicídio, que faz parte do Setembro Amarelo, campanha mundial que tem o objetivo de divulgar estratégias de prevenção ao suicídio. Daniel falou, dentre outros assuntos, de mitos e verdades sobre depressão e suicídio.

O tema abordado teve relação direta com o público-alvo da palestra. De acordo com o psicólogo, a morte por suicídio na faixa etária de 15 a 29 anos ocupa a quarta posição no Brasil. Ainda conforme dados do palestrante, cerca de 11 mil pessoas desse público tiram a própria vida por ano no país.

A Semana Municipal de Prevenção ao Suicídio será encerrada na sexta-feira (20) com a 2ª Caminhada pela Valorização da Vida. A saída será às 9 horas, na Praça Cristiano Dias Lopes (Praça do Posto), e a chegada, na Praça Baiana.