O governador Paulo Hartung participou, na tarde desta quarta-feira (18), da inauguração simbólica da agência do Banco do Nordeste, em Pinheiros. A agência já vinha funcionando desde outubro do ano passado e, além de Pinheiros, atende a população dos municípios de Boa Esperança, Montanha, Mucurici e Ponto Belo. Trata-se da quinta agência do Banco do Nordeste no Espírito Santo. A instituição também está presente nas cidades de Linhares, Colatina, Nova Venécia e São Mateus, todas as cidades na região de abrangência da Sudene.

O Banco do Nordeste tem como uma de suas principais missões contribuir com o desenvolvimento dos municípios que fazem parte da Sudene. A instituição chegou ao Espírito Santo em 2004, com a inauguração das agências de Linhares e Colatina. O estado possui 28 cidades na área da Sudene e o banco vem atuando desde então no apoio a pequenos e grandes empreendimentos da região.

A instituição é considerada a maior empresa de banco regional da América Latina. “Conseguimos compatibilizar a função pública com a eficiência e a competitividade do mercado. O banco desburocratizou créditos, criou novos produtos e fortaleceu as parcerias. Ao utilizar os recursos do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste temos conseguido converter o apoio financeiro em emprego e renda, além de contribuir para a fixação do homem no campo”, destacou o gerente da agência de Pinheiros, Carlos Henrique Meneguci.

O governador Paulo Hartung ressaltou a importância do Banco do Nordeste para o desenvolvimento dos municípios capixabas que fazem parte da Sudene. “É uma alegria inaugurar essa agência. A luta pela inclusão de 28 municípios na área da Sudene foi uma conquista importante para os capixabas, que possibilitou, entre outras coisas, a vinda do  Banco do Nordeste. E, nesse momento de crise que estamos passando, é uma grande satisfação poder inaugurar mais uma agência da instituição, que abre mais uma porta de acesso ao crédito. Porque não se faz desenvolvimento sem a alavanca do crédito”, afirmou.

O secretário de Estado da Agricultura, Octaciano Neto, frisou que a abertura da agência do Banco do Nordeste em Pinheiros é muito importante para o desenvolvimento econômico e social da região. “Em 2003 havia um problema muito grande no estado relacionado ao crédito agrícola. Tínhamos pouco mais de R$ 2 bilhões em nossa carteira de crédito. Hoje são mais de R$ 8 bilhões nessa carteira, o que mostra o quanto conseguimos evoluir na infraestrutura rural e oferecer condições adequadas para o crescimento e a ampliação de inúmeras atividades produtivas”, afirmou.

O prefeito Antonio da Emater ressaltou a importância do Banco do Nordeste na região. “Além do crédito, o objetivo é fortalecer parcerias e estimular o crescimento de Pinheiros e da região norte capixaba”.

DSC_0127 DSC_0135 DSC_0156